Pular para o conteúdo
Início » Espiritualidade » Como saber o orixá pela data de nascimento

Como saber o orixá pela data de nascimento

Se você é uma pessoa ligada ao Candomblé ou a Umbanda, com certeza já pensou na possibilidade de como descobrir quem é o seu orixá pela data de nascimento. Durante algum tempo, as pessoas tinham dificuldade em descobrir seu orixá regente e procuravam por médiuns que pudessem auxiliá-las de alguma forma. 

Todavia, agora é muito mais fácil. Você pode conhecer quem é o orixá responsável por você através da sua data de nascimento. Com a numerologia dos orixás, você será capaz de descobrir quem é o seu guia e como ele pode te influenciar em diversos âmbitos da vida. Isso só é possível porque os Odus, signo dos orixás, estão conectados com a gente por meio da nossa data de nascimento.

Para quem não sabe, os orixás são os grandes responsáveis por nos ajudar em tomadas de decisões e, por isso, é imprescindível que você saiba quem é o seu.

Mas a questão que fica é: Como saber o orixá pela data de nascimento? Essas e outras perguntas você vai descobrir agora. Vem comigo!

Como saber o meu orixá pela data de nascimento?

Os Odus serão os seus aliados na busca para saber quem é o seu orixá protetor. O significado de Odu é caminho e destino. Ele é o responsável por determinar características essenciais de nossa personalidade e, ainda, interferir na forma como nos relacionamos com os outros. 

Por meio dele, você consegue descobrir quem é o orixá que te fornece proteção. Isso porque, além de oferecer boas energias, os Odus se relacionam a um Orixá.

Para saber mais sobre os Odus e descobrir qual é o seu orixá regente, continue lendo o artigo!

Afinal quem são os orixás?

Os orixás são divindades que se popularizaram em religiões de matrizes africana, como a Umbanda e o Candomblé. Existem mais de 400 mil orixás, entretanto, os mais populares no Brasil são conhecidos como: Iemanjá, Exu, Iansã, Oxum, Oxalá, Ogum, Oxóssi e Xangô. 

Acredita-se que os orixás foram inspirados em homens e mulheres. A religião conta que eles foram criados por Olodumaré, o Deus supremo, com o intuito de eles governarem a natureza e servirem como intermediários entre os homens e os humanos. 

Os orixás são a representação dos elementos da natureza, e Olodumaré é a união de todas as energias. É justo ressaltar que os orixás não são deuses. Dessa forma, as pessoas que cultuam as religiões de matrizes africanas são monoteístas. 

No mais, é importante dizer que os orixás foram sincretizados na religião católica, ou seja, alguns deles são a representação de santos catolicistas. 

Orixás na umbanda e no candomblé

Tanto o candomblé quanto a umbanda cultuam os orixás. Geralmente, o culto a essas divindades ocorre de diferentes formas, a depender da religião e do santo em questão. Dentro do terreiro, os médiuns incorporam os orixás com o intuito de auxiliar todos aqueles que ali estão presentes e buscam por uma palavra de conforto ou uma luz.

Em relação a alguns orixás, eles existirão em ambas religiões, mas pode acontecer de haver uma diferença em alguns momentos. A religião candomblecista é mais antiga e, por isso, suas crenças estão todas sistematizadas em origem africana. 

Fundamentos

A numerologia dos Orixás define o critério da sua Cabeça de Orixá, isso porque os fundamentos religiosos e científicos permeiam a numerologia. Com os números da sua data de nascimento e das características dos orixás em mãos, você vai entender a sua personalidade e descobrir qual caminho deve seguir. 

O que são as linhas guia? 

Linhas guias são os colares que ficam nos pescoços dos yorubás. Geralmente, quando você ver um guia trabalhando, vai perceber que ele tem colares no pescoço. Esses, por sua vez, que podem ser feitos de dentes de animais, pedras, sementes ou conchas. Na língua yorubá, esse colar é conhecido como Àkufi isiro ou Ìlèkè. 

Nesses colares, você carrega o seu Orixá junto de você. Normalmente, eles são utilizados como emblemas e servem para definir os filhos dos orixás e para ‘’mostrar’’ a qual orixá você pertence. 

Como calcular orixá de cabeça?

Orixá de cabeça (ou orixá de frente, como preferir), é o responsável por governar sua atual encarnação. Ele quem conduz o seu caminho e define suas qualidades e seus defeitos. Por meio da numerologia dos orixás, você consegue descobrir quem é o seu pai ou mãe cabeça. Com a descoberta feita, além de canalizar as energias, ele te ajudará a enfrentar qualquer dificuldade.

Qual orixá me protege?

Para saber qual orixá te protege, é necessário levar a numerologia dos orixás em consideração, mas também aspectos importantes. A numerologia consegue te dar pistas e te levar a uma conclusão, entretanto, em alguns casos é necessário mais do que isso. É possível que você precise se consultar com um médium, por exemplo.

Qual o meu orixá protetor na umbanda? – Orixá de cabeça

pessoas fazendo oferendas aos orixás

Se você quer descobrir qual é o seu orixá protetor na umbanda, terá de mergulhar profundamente na religião. Depois de se juntar à religião, um pai ou mãe de santo ficará responsável por observar suas atitudes e descobrir qual energia mais forte que está ao seu redor. 

O pai de santo tem a capacidade de sentir sua vibração e explorar em você alguns pontos que lembram outros orixás. Assim, ele consegue identificar quem é o seu orixá cabeça. Todavia, vale ressaltar que o único capaz de descobrir qual é o seu orixá verdadeiro é você mesmo. 

Qual o orixá protetor no Candomblé? – orixá de cabeça

Assim como acontece na religião umbandista, os pais e mães de santo podem jogar os búzios e descobrir qual seu oríxa protetor. Mas é importante ter em mente que há muitos orixás nos guiando e nos protegendo e, a partir do momento em que você se insere na religião, você pode se surpreender ao descobrir quem de fato é o seu orixá protetor. 

Portanto, se você tem curiosidade em saber quem é o seu orixá guia, um jogo de búzios com um pai ou mãe de santo, pode te ajudar. Mas lembre-se que a melhor pessoa para descobrir seu orixá verdadeiro é você mesmo.

Calculando o orixá pelo signo é a mesma coisa que pela data de nascimento?

Calcular o orixá pelo signo não é a mesma coisa que calculá-lo pela data de nascimento. Isso porque, há uma relação profunda entre a numerologia dos orixás e seus signos. O cálculo pela data de nascimento envolve uma contagem específica. Já o cálculo por signo é uma junção de suas características com as características de algum orixá.

Calculando o Odu de nascimento

Para descobrir o seu Odu e, com isso, descobrir qual é o seu orixá protetor, você vai precisar saber uma soma matemática muito importante. 

De acordo com a sua data de nascimento, calcule todos os números até chegar em um algarismo único. Dessa forma: 11/06/2012. Nesse caso, a conta seria a seguinte: 1+1+6+2+0+1+2 e o resultado, 13; após isso, faça uma nova conta com o resultado: 1+3, que seria 4; ou seja, o número 4 representa o Odu Yrosun, regido por Iemanjá e Iansã. 

Para descobrir seu Odu e qual orixá protetor seria o seu, continue lendo o artigo!

Numerologia dos orixás

imagem ilustrativa com orixas

Agora que você já sabe como calcular a sua data de nascimento e descobrir o seu Odu e orixá, nada mais justo que conheça todos eles. Os odus representam um número diferente e cada um deles é regido por algum orixá. Conheça a seguir cada odu, sua numerologia e qual o orixá;

Número 1 – Okanran

Okaran representa o número 1 e é regido pelo orixá Exu. Exu apresenta uma natureza potente, fazendo com que você pareça um pouquinho agressivo. Todavia, você só está sendo determinado o suficiente para ir em busca dos seus objetivos. 

Você luta com todas as suas forças para chegar aonde quer e não teme a nada. É importante que durante o caminho você evite fazer inimigos sem necessidade. Muitas pessoas julgam os regidos por exu como uma pessoa prepotente, quando na verdade, não é nada disso.

Número 2 – Ejiokô

Ogum e os ibejis são responsáveis pelo Ejiokô, número 2. Num geral, o Odu 2 faz com que você aparenta passividade para tomar certas decisões, entretanto, você é muito pensativo(a) e está sempre com alguma coisa em mente. 

Não tenha medo de demonstrar suas incertezas e fraquezas. Conversar com alguém que você ama sobre suas dúvidas pode lhe ajudar a encontrar as respostas que tanto procura.

Número 3 – Eta-Ogundá

Eta-Ogundá é regido por Ogum e Obaluayê. Quem é regido por esse Odu tende a ser agitado, obstinada e inconformada. Todavia, tem muitas qualidades, como: a confiança, a criatividade e a perseverança. Pessoas regidas por esse Odu, Eta-Ogundá, conseguem conquistar tudo o que desejam. 

Número 4 – Yrosun

Iemanjá e Iansã são os orixás que regem o odu Yrosun, representado pelo número 4. Odu confere às pessoas serenidade e bastante disposição. Se você é regido por ele, com certeza consegue ver tudo com clareza. É por isso que você tem facilidade para resolver seus conflitos. Você sabe a força que tem e não tem medo de usá-la para alcançar seus objetivos. 

Número 5 – Oxé

Regido por Oxum e Logun Edê, as pessoas representadas por Odu Oxé são sensíveis e atentas. Estão sempre muito dispostas e conseguem emanar boas energias. Entretanto, em alguns momentos, elas anseiam por um momento de solitude e liberdade para conseguirem refletir. 

Número 6 – Obará

Obará Odu é regido por Xangô e Oxóssi. Esse Odu proporciona garra e força de vontade para lutar por aquilo que você deseja. É por esse motivo que em questões de bens materiais, você sempre saia como um grande vitorioso ou vitoriosa. Já no âmbito amoroso, precisa entender que não tem como exigir demais do outro. 

Número 7 – Odi

Odu Odi, regido por Omolu e Oxu, confere às pessoas ajuda para conquistar tudo o que elas desejam. Além disso, é difícil ver pessoas regidas por esse Odu se lamentando por aí, pois eles estão sempre satisfeitos com suas conquistas e desejos. Se você deseja atingir uma meta, conseguirá sem dúvidas. 

Número 8 – Ejionile

Os orixás que regem Ejionile são Oxaguiãn, Ogum e Xangô Airá. Esse Odu fornece agilidade mental e faz com que as pessoas sejam mais ativas. É comum ver pessoas regidas por esse Odu lutando para chegar ao topo dos seus objetivos. Isso porque tudo o que elas querem é ter poder e prestigio. Às vezes, essas pessoas são tempestuosas, mas possuem muito senso de justiça e são incapazes de prejudicar quaisquer pessoas.

Número 9 – Osá

Osá é regido por Iansã e Iemanjá. Esse Odu faz com que as pessoas regidas por ele sejam cuidadosas e avaliem cuidadosamente todas as coisas. Pessoas regidas por Osá conseguem ajudar a todos, isso porque possuem uma boa visão e conhecimento de mundo.  

Número 10 – Ofun

Normalmente, as pessoas regidas por Ofun aparentam ser rabugentas, entretanto, isso é um escudo para que terceiros abusem da sua boa vontade. As pessoas costumam ser serenas e sensíveis, marcas de Oxalá, responsável pelo Odu de número 10.

Número 11 – Owanrin

Owarin tem o poder de fazer com que as pessoas sejam apressadas, corajosas, tensas e agitadas. É comum ver você ativo(a), nunca parado. Tem grandes chances de alcançar o sucesso e muitas alegrias e em sua vida. Odu 11 é regido por Iansã, Ogum e Exu.

Número 12 – Ejilaxeborá

Ejilaxeborá é regido por Xangô e fornece um grande senso de justiça àqueles que protege. Entretanto, a vontade de ser justo o tempo todo pode confundir terceiros e te acharem intolerante. Quando sentir que as pessoas estão te julgando por isso, foque em outras características. A dedicação, por exemplo te impulsionará a ajudar os outros.

Número 13 – Eji-Ologbon

Nanã e Obaluayê são responsáveis por odu Eji-Ologbon. O odu 13 faz com que você se sinta cabisbaixa e, às vezes, um tanto deprimida. Entretanto, você tem uma capacidade de reflexão e adaptação muito forte, o que contribui para que você se encaixe perfeitamente em todos os lugares.

Número 14 – Iká-Meji

Iká-Meji é regido por Oxumaré, traz paciência e discernimento para a sua vida. Devido à sua versatilidade, você se dá bem em qualquer coisa que se propor a fazer. Em alguns momentos, pode ser que você seja testada, mas sempre encontrará o caminho da felicidade. 

Número 15 – Obe-Ogundá

Regido por Ogum, Iemanjá, Omulu e Obá, Obe-Ogundá é um pouco rebelde e cheia de vontades. Embora você seja um pouco teimosa, você continua defendendo o seu ponto de vista (mesmo que esteja errada). Só precisa tomar cuidado para não ser dominada pelo nervosismo.

Número 16 – Alafiá

Odu 16, ou Alafiá, emana tranquilidade e alegria. As pessoas regidas por esse Odu são mestres em fornecer um clima harmônico para todas as pessoas. Com certeza, você será capaz de alcançar o sucesso e o quilíbrio em sua vida. Odu Alafiá é regido por Oxalá e Orumilá. 

Palavras finais

Agora que você já sabe como calcular o seu Odu e conhecer o seu orixá protetor, pode colocar a mão na massa. Depois de tudo o que foi visto, conclui que você pode procurar um terreiro a fim de descobrir seu orixá guia, ou, optar por desenvolver sua mediunidade. 

Em ambos os casos, lembre-se de que orixá é energia e ele virá até você. Na hora certa, com a mediunidade desenvolvida, ele vai se apresentar. 

E você, já sabe como descobrir o orixá pela data de nascimento? Nos conte tudo nos comentários abaixo.

16 comentários em “Como saber o orixá pela data de nascimento”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.